sábado, 15 de junho de 2019

Curiosidades | A metade do ano chegou, o que eu li até aqui! Confira!



Gente, o tempo voa! 


Hoje já é dia 15 de Junho, estamos na metade do ano e sempre nesta data gosto de dá aquela recapitulada em como anda meu aproveitamento nas leituras. E estou chocada! Este ano eu ainda não li nem 10 livros. O que significa que me tornarei a louca das leituras nos próximos meses para tentar compensar isso. 


Mas como nem sempre quantidade é qualidade, posso dizer que esse ano, apesar de ter lido apenas 9 livros até o momento, foram leituras e histórias que com certeza recomendaria a todos, então sim, li muita coisa boa! Admito que meu gênero favorito, fantasia, foi levemente abandonado, mas às vezes mudanças são super válidas para ampliar nossos horizontes e estou feliz em fazer isso no campo literário.

Esse ano, meu planejamento era ler mais livros físicos, porém agora que tenho o Kindle em mãos está meio difícil, já que leio muito mais rápido nessa belezinha. Porém meu coração ainda tem espaço para os 90 não lidos da minha estante (rs). Vamos as leituras até agora:


Janeiro: 
Fiquei dividida entre antigos gostos, drama, romance e assuntos do momento. 

1. Ordem de Extermínio
2. Caçadora de estrelas 
3. Dead Fall
4. Caixa de Pássaros

Fevereiro:
Estava com pouco tempo para as leituras, porém, conseguir ler Sidney Sheldon! Mais uma história ótima, desse incrível autor! 

5. O Estrangulador

Março:
Às vezes é bom mudar não é mesmo? Mas ainda faltava um livro de Maze Runner para completar a coleção (rs). 

6. O poder de mudar hábitos 
7.  Maze Runner: Arquivos

Abril:
Sabe aquelas maravilhosas indicações de leitores, que você leria e indicaria várias vezes? Pois é, esse livro eu faria isso!

8. A gata do rio nilo 

Maio:
Quando a ficção, romance e fatos reais se juntam e criam uma dramática e bela história de superação.

9. Sorrisos Quebrados


Bom, Esses foram os livros que li até essa metade de 2019. Espero que muitos outros façam parte dessa lista até o final do ano. Tem indicações para mim? Não seja tímido, deixe seu comentário! 

Até a próxima leitores! 




Notícias | Editora Salvat faz promoção especial de dia dos namorados. Corre lá, ainda dá tempo de aproveitar!



Queridos leitores, 

Quem me conhece, já sabe que sou uma apreciadora de conteúdos Marvel e como falar desse grande estúdio sem falar da Editora Salvat, não é mesmo? A editora é referência em Hqs , além de ter diversos produtos super legais em sua loja para seu público. Já fazia algum tempo que não entrava no site da editora para comprar Hq e ontem tive uma belíssima surpresa! 

A Salvat está fazendo uma promoção com seus produtos. Ao comprar um item, o segundo de menor valor não será cobrado. Basta ir até a lacuna "cupom de desconto" (que fica ao final da página no canto esquerdo) e utilizar a palavra "namorados". Prontinho, sua compra sairá pela metade do preço! Valeu, Salvat era tudo que eu precisava! 

Vale lembrar que esse cupom funciona para compras de até 2 itens. Como ainda não possuo a coleção completa de Marvel Graphic Novels, obviamente aproveitei a promoção para compra aquelas Hqs que estava namorando dos meus heróis favoritos! 
A promoção vai até terça-feira dia 17/06. Gostou? Corre lá que ainda dá tempo de adquirir os seus! 



segunda-feira, 10 de junho de 2019

Séries da Netflix | O que esperar da 3° Temporada de 3%? Confira review!


Avaliação:      

Apesar de não ter mencionado as duas temporadas anteriores da série 3% , aqui no blog ( o que pretendo fazer em breve), assim que terminei de assistir a terceira temporada lançada dia 7 de Junho, ficou impossível controlar a ansiedade e não trazer para vocês as minhas opiniões sobre essa série.

Na 1° temporada,  ouvi muitas pessoas criticando 3% , pelo simples fato de ser uma série brasileira, o que não faz o menor sentido, já que nosso país produz diversos conteúdos de áudio visual de qualidade e se a Netflix acredita e investi na produção,  vale à pena dar uma olhadinha, não é mesmo? Agora, se assistiu e não gostou, cada um tem o direito de ter uma opinião, certo? Pelo menos não deixou um preconceito falar mais alto, descartando a série logo de cara. Obviamente por ser a primeira série brasileira da Netflix, houve uma exigência muito grande do público, mas acredito que a produção tirou de letra! Bom, eu gostei bastante, achei muito inteligente e a terceira temporada é minha nova favorita.


ATENÇÃO: Caso não tenha assistindo, o conteúdo abaixo contém SPOILER!

No final da segunda temporada Michele convence Fernando a criar a Concha ( um novo local para cidadãos que não apoiam o Maralto e desejam uma realidade melhor que a vida de extrema pobreza do Continente. No começo dessa terceira fase há um salto temporal, que é explicado com alguns flashbacks, algo que devo admitir que me incomodou um pouco. Outro fato que não passa despercebido é ausência de Fernando. Como já tinha sido mostrado no trailer, descobrimos que Fernando morreu. Seu sacrifício defendendo a filosofia que a Concha será um lugar melhor para todos viverem como iguais, é um ato de generosidade e coragem em nome da causa, mas que gera estranheza já que o personagem foi um grande protagonista e sua ausência é brevemente explicada no começo da trama. Para você que assistiu as temporadas anteriores, sabe que Fernando foi um personagem fundamental em 3% e não ver ele em cena com toda sua habilidade e inteligência deixa um vazio no ar. Porém, seu legado não é esquecido, sendo mencionado na maioria dos episódios.  Além de ser necessário para o desenrolar dessa terceira fase e compreensão dos eventos finais.


Sozinha no comando, com uma liderança por vezes instável, Michele consegue ser uma boa líder enquanto tudo está dentro de seu controle, compartilhando com todos suas decisões. Porém ela acaba pecando por excesso de confiança, acreditando que as pessoas, uma vez acolhidas ficaram sempre do seu lado. Como fundadora ela realmente acredita que seu projeto não possui falhas. Porém após uma grande tempestade a Concha perde seu coletor de água e sem um plano B, Michele decide reduzir a população em 10% , vendo-se obrigada a criar uma seleção.  Assim os problemas aparecem.


Mesmo que o plot principal seja a Concha nesta temporada, outros fatos interessantes são determinantes. Durante a trama descobrimos o motivo dos fundadores terem implantado o soro da infertilidade no Maralto, assim como a origem de Tânia (filha do casal), que foi vítima da imparcialidade do sistema tendo que lutar por sua vaga no processo como todas as outras pessoas. Porém Tânia, não passa no processo, e sua raiva a leva a criar "A Causa" facção que tenta destruir o Maralto nos próximos anos. Fiquei com a sensação que Tânia tem alguma relação direta com Joana. Percebi que durante o episódio 4, onde os fundadores sofrem por terem que abrir mão da filha, que várias cenas tem como sequência cenas com Joana. Pode ser apenas uma coincidência? Sim! Mas duvido muito disso, já que até agora não há pistas sobre quem são os pais de Joana. Será que ela possuí o sangue daqueles que ela sempre odiou? Seria interessante!

Da glória a queda dos Alvares! Sim leitores, vimos Marcos ressurgir das cinzas na segunda temporada, e agora o personagem ganha um novo destaque, além ter papel crucial para o final. Marcos passou por maus bocados, porém ele evoluiu muito ao longo das temporadas deixando de lado o rapaz arrogante, para ser um homem que luta pelo seu filho e busca o melhor para as pessoas. Além disso ele não é o único Alvares importante e significativo em jogo, ver Marcela falhar por conta de seus sentimentos e ter a participação de Ney Matogrosso como avó de Marcos, foi realmente maravilhoso. Marcela quer mostrar força, poder, mas no fim ela mesmo não consegue deixar o passado para trás ( determinação do Maralto), por seu antigo sobrenome. Uma vez Alvares,  sempre um Alvares não é mesmo?

Falando em família, Rafael não está mais sozinho. Agora que seu relacionamento com Elisa está acabado, sua atenção está totalmente em seu irmão mais novo Artur e no combate ao fim da Concha. O garoto Artur é uma versão alternativa de quem Rafael já foi. E ter alguém tão similar por perto pode ser tornar um jogo perigoso principalmente se um deles mudar de lado, não é mesmo? Pois é, essa dupla balança a temporada. Além de trazer um lado mais humano para Rafael. Espero ver mais dos irmãos em breve.


Enfim, a série se mantém empolgante sem perder a dinâmica apresentada nas duas primeiras temporadas. A trama continua relatando diversos dilemas morais e éticos, com um roteiro criativo, onde muitos personagens precisão sair de sua zona de conforto, tendo opiniões controversas, para poder sobreviver. O grande exemplo disso é Michele, que sempre odiou o Processo e agora se ver obrigada a criar a Seleção. Assim como os fundadores do Maralto que ao sugerirem a vacina da infertilidade, são vítimas da sua própria ambição, tendo que mandar a filha para o Continente. E também vemos a revolta de Glória (que ganhou grande destaque nesta temporada), que ao ser eliminada na Seleção, ajuda o Maralto comandar a Concha, local que ela ajudou a construir. Esse é o trufo da terceira temporada de 3%, ao desestabilizar seus principais personagens, muitas máscaras caem. E a melhor parte é ver a aliança formada ao final da temporada entre os novos e antigos protagonistas. Nem por um segundo a série esqueceu de desenvolver a história de cada um deles e isso é muito bacana de ver! Isso faz, nós telespectadores, criamos um elo maior com a história apresentada, sem falar, que a terceira temporada deixa claro qual será o próximo passo do Maralto e a Concha, sim, eu ouvi guerra? Netflix, pode confirmar a quarta temporada, por favor ? Já estou esperando ansiosamente por você! #Recomendo3%

Espero que vocês tenham gostado a minha Review da 3ª temporada de 3%. E se quiserem deixar sugestões sobre outra série que curtiria ver relatada aqui no Paraíso dos Livros, deixe um comentário! Amo seguir as indicações dos meus leitores. Até a próxima, pessoal!

Confira Trailer 3ª temporada de 3%, abaixo:



sexta-feira, 17 de maio de 2019

Cinebook | Review Game of Thrones - 1° Temporada #59


Avaliação:      

ATENÇÃO: Este texto contém SPOILER! Caso não tenha assistido a temporada não leia o conteúdo abaixo.


Minha curiosidade por essa série se manifestou no momento que ganhei os livros/box "As crônicas de gelo e fogo" (Que estou iniciando a leitura somente agora) e após ver alguns episódios aleatoriamente resolvi compreender a história, assistindo-a desde o começo. Hoje enfim finalizei a 1° Temporada e para aqueles que se perguntam se Game of Thrones faz jus aos comentários positivos dos telespectadores, sim faz. Já estou algumas semanas sem assistir Netflix, e isso é algo praticamente impossível para mim (rs). Vou  colocar alguns fatos significativos, de maneira simples, para relatar o que achei da 1ª Temporada. Vamos lá?


Em Game of Thrones (GOT) há sete reinos e suas respectivas casas. Todas são mencionadas ao longo dos episódios, porém o enredo tem maior desenvolvimento apenas em algumas delas nesta temporada inicial. Temos: Winterfell (governada pela Casa Stark), a muralha localizada no Norte em Westeros, King's Landing capital ( A maior cidade dos Sete Reinos, local do Trono de Ferro) onde obtemos informações sobre a Casa Lannister e Casa Baratheon. Também há a Casa Targaryen, a Casa Arryn e os guerreiros selvagens Dothraki.

Ao perder seu conselheiro real, Robert Baratheon segue para Winterfell e pede a Eddard Stark que assuma o cargo. Mesmo relutante o lorde de Winterfell vai para King's Landing com o rei assumindo o posto. Porém, Ned Stark descobre que Joffrey Baratheon filho mais velho do rei, não é seu herdeiro legítimo. Após uma caçada "mal sucedida" ( uma provável armação Lanister, já que Ned revelou a Cersei que sabia seu segredo) o rei Robert acaba morrendo. Eddard Stark envia uma carta a Stannis Baratheon e tenta inutilmente cumprir com as últimas palavras do rei Robert, onde seria responsável pela coroa, auxiliando Joffey até que tivesse idade para governar. Mas a rainha Cersei Lannister rasga o testamento e junto ao filho, condena Ned como traidor por insinuar perante todos que Joffey não é filho de Robert Baratheon. Sansa, prometida de Joffey e filha de Stark implora pela vida do pai, mas mesmo Ned mentindo diante de todos, indo contra sua honra para que continue a viver, mantendo assim Joffey no poder, o jovem rei impiedoso sentencia sua morte com a decapitação.  



Obviamente coloquei aqui apenas uma pequena parte do plot principal dessa temporada, pois Game of Thrones é o tipo de série que te prende justamente pelo fato de suas diferentes história se interligarem para um fim em comum. É o tipo de série que gera discussão em uma roda de amigos, apenas para relembrar acontecimentos ou colocar alguns detalhes em dia, que lhe faltou a atenção. Como o nome da série sugere há uma luta pelo poder, para ser o rei e se sentar no trono de ferro, governando assim os Sete Reinos. Porém até que o verdadeiro herdeiro ocupe o seu lugar de direito, muitas batalhas aconteceram, e enredo deixa isso claro.



Como Joffey não é herdeiro legítimo do trono, isso coloca Stannis Baratheon na linha de sucessão por ser irmão de Robert e despertando o interesse de seu outro irmão Renly Baratheon pelo trono. Porém antes que os Baratheon governassem, existiu Aerys II Targaryen (conhecido como Rei Louco, muito mencionado na série), e seus descendentes têm direito a coroa, e assim somos apresentados a Viserys e Daenerys Targaryen, os últimos de sua linhagem. Eles desejam obter um exército para que sua Casa Targaryen retorne ao trono que lhe foi tirado. Com os Targaryen, também conhecemos um pouco mais sobre os selvagens Dothraki, que apesar de sua brutalidade, acabam se tornando valiosos seguidores para Daenerys. Preciso dizer que isso é sinônimo para guerra?


Em contrapartida, Joffey com sua atitude mal pensada, ao matar Ned Stark acaba acendendo ainda mais a fogueira e aumentando rivalidade entre as Casas Stark e Lannister. É previsível que na próxima temporada veremos mais desse confronto. Além disso, a relação familiar dos Stark é profunda, intensa, com um tipo de amor incondicional que supera qualquer diferença, isso por si só já me conquistou.  

Todos os personagens dessa família mostram muita força para lutar pelo que acreditam, e  tudo indica que sempre haverá um desafio a espera de um Stark. Três deles ganharam completamente a minha atenção, eles são: Arya, Bran e Jon Snow. Bran por conta do seu acidente inesperado que o deixou paraplégico ( estou super curiosa, já que o fato está diretamente ligado ao incesto dos irmãos gêmeos Cersei e Jamie Lannister) quero muito saber como sua história se desenvolverá depois disso na série. Arya por ser autêntica, fugindo as regras e padrões estabelecidos mesmo tão jovem, e por se encontrar perdida após a morte do pai, sua história ganhou ainda mais destaque. E por fim Jon Snow por ser um mistério absoluto. Ele se aliou a Muralha, virou um guardião da noite e quando recebeu a notícia do pai, pouco pôde fazer. No começo da série a maioria dos personagens citam a frase: "O inverno está chegando" e Jon Snow finaliza a primeira temporada em uma missão de encontro com os Vagantes Brancos, então, o que será do destino de Snow? Lembrando que o real nome da sua mãe só poderia ser revelado por seu pai Ned Stark que prometeu que contaria assim que se encontrassem novamente e isso não acontecerá, enfim, um mistério. 

E não posso esquecer de Daenerys, a rainha dos dragões! Acredito que ela foi uma das pessoas que teve o maior desenvolvimento em apenas uma temporada. Ela passou por maus bocados, e de uma mulher insegura para alguém decidida com muita sede de poder. Daenerys descobriu o amor e também revelou sua ira. Quase foi envenena por ordem do Rei Robert. Praticamente, permitiu que Khal Drogo (seu atual marido) matasse seu irmão. Depois usou tudo que possuía para que os Dothraki a vissem como uma superior. Ela viu seu amor morrer aos poucos após uma infecção em um ferimento de luta e desesperada pediu a um bruxa para que lhe salva-se. Assim tudo saiu do controle. Como consequência perdeu seu filho, teve que conviver com Drogo em estado vegetativo, sentido-se obrigada a matá-lo. Furiosa em luto Daenerys queimou Drogo ao se despedir e colocou fogo na bruxa "curandeira" em um gesto de vingança. Porém o fogo também foi seu renascimento, juntando-se a ele e trazendo a vida três dragões...Enfim, não da para imaginar a série seguindo sem essa personagem! 

Espero que tenham gostado da minha review sobre a 1° Temporada de Game of Thrones, Esse foi um resumão de tudo que aconteceu, mas ainda há muito para se ver nessa primeira temporada, e vale muito à pena conferir cada detalhe. Estou super empolgada com a série de TV e livros e cada dia mais interessada agora que compreendo um pouco melhor sobre esse rico universo criado por George R.R. Martin. Então sim, vou colocar mais conteúdos de Game of Thrones aqui no Paraíso dos Livros em breve, podem aguardar!

Até a segunda temporada, leitores!

Confira Trailer abaixo:





segunda-feira, 6 de maio de 2019

Resenha | O Poder de Mudar Hábitos - Caiene Cassoli




Autor: Caiene Cassoli
Editora: Ideias & Letras
Páginas: 72
Avaliação:
      


Este livro cutinho vai fazer você avaliar seus conhecimentos e hábitos, abrindo sua mente para uma nova perspectiva. Ele não funciona como um manual com regras a serem seguidas ou deseja ensinar algo, apenas explora uma situação, mostrando que a forma como reagimos a ela, e a atitude tomada será decisiva para os resultados finais. 

Mudar hábitos, costumes, muitas vezes pode abrir portas para o novo, para coisas que por conta da rotina e tendência em manter tudo como está, acabamos ignorando sem nos darmos conta das possibilidades que está diante de nós. Este livro, consegue mostrar ao leitor novas maneiras de lidar com situações do dia a dia, substituindo pontos negativos por resultados satisfatórios. Enfim, um bom livros para rever conceitos e questionar opiniões.



sábado, 4 de maio de 2019

Notícias | Confira o trailer final de 3x21 e 3x22 de Shadowhunters



Chegou a hora de dizer adeus...

Shadowhunters estará se despendido na próxima segunda-feira dia 6 de Maio ( ou terça para assinantes da Netflix ) com seu episódio final de 2h e meia, que será dividido entre os episódios 3x21 e 3x22. Sim, é triste, principalmente para nós fãs que desejávamos tanto uma quarta temporada, e vimos a evolução da série após tantas críticas, mas os produtores garantiram que ficaremos felizes com o desfecho da série.

ATENÇÃO O CONTEÚDO ABAIXO TEM SPOILERS DE 3X20.

O episódio 3x20 foi marcado por perdas, descobertas, reconciliações, lutas, amor, sacrifício e também pela quebra da união da runa dos irmãos, libertando Clary do seu laço com Jonathan Morgenstern que assumiu sua forma demoníaca. Gostaria muito, de ver mais da relação pai e filho de Magnus com Asmodeus, mais da Rainha Seelie e Jonathan, mais do futuro relacionamento de Sizzy que vinha sendo desenvolvido calmamente, porém esse episódio já foi o fechamento de algumas histórias.

Teve combate na floresta da divagação Seelie com o elenco principal lutando pela vida de Clary, e como era previsto, Jace finalmente usa a espada Gloriosa para quebrar a ligação dela com o irmão. Assim, Jonathan ganha asas negras, olhos demoníacos fugindo com a espada Estrela da manhã, rumo a Alicante, Idris.  Maryse salva nosso precioso #Malec ao descobrir do sacrifício de Alec para que Magnus voltasse a ter magia, dando todas as pistas necessárias para Magnus descobrir a verdade sobre seu pai Asmodeus.  Então, mesmo que o pai do ano tenha acabado de ajudá-lo a recuperar seu apartamento transformando Lorenzo em um lagarto ( foi uma ótima cena de vingança), Magnus joga todos os fatos sobre a mesa e banindo seu pai para o limbo, dimensão na qual nunca poderá retornar...Ah que pena!

Ainda em 3x20 Jordan revela que tem pouco tempo de vida a Maia, dando o soro da gloriosa para que ela possa ter uma nova vida sem ele ( Muito triste, quando Maia vai ser feliz nessa série? ). Luke age de forma suspeita quando o Praetor pende para que recupere o soro. Maia entrega o soro a Luke, afinal confia nele. E na sequência, Jordan morre na praia com Maia ao seu lado. Sim, os produtores deram esperanças a nós como foi no caso de Max, porém dessa vez assim como nos livros Jordan também falece, muito ruim isso, triste...  continuando. 

Novamente #Sizzy fica no quase. Não é possível, os produtores deixaram para os últimos episódios! Está certo que Izzy e Simon só assumem serem um casal no último livro dos Instrumentos mortais, mas na série poderia ser mais rápido, como foi com #Malec, né? Falando em Magnus e Alec, o feiticeiro segue para Alicante para lutar com seu amado. Durante a guerra de demônios e shadowhunters #Clace tem uma cena muito emocional onde Clary diz que Jace ficará com ela até sua ultima respiração, tão apaixonados em meio ao caos.  Antes de fugir de Alicante, Jonathan revela a eles que o portal que abriu não há como ser fechado, destruindo a espada Estrela da Manhã. Ou seja só descobriremos o final desse vilão sem limites, na próxima semana. 

Magnus comunica a Alec que sabe sobre Asmodeus, e sabe o que Alec esqueceu em Nova York, as alianças de compromisso ( Sempre soube que seria você que faria o pedido Magnus, tão romântico!). Sim, leitores! #Malec finalmente ficaram noivos nesse episódio. Após esse momento tão esperado pelos fãs, Magnus mais uma vez se sacrifica pelos shadowhunters e decide fechar o portal do lado de Edom, onde ficará preso no processo. Alec cai ao chão as lágrimas, pois agora que tem Magnus novamente é obrigado a perdê-lo para salvar seu mundo, pobre Alec, também sentimos sua dor! 

Como nos livros, parece que a série terminará com um casamento grandioso encerrado o arco de amor, batalhas e conquistas do mundo das sombras, porém dessa vez não será Jocelyn e Luke, já que a mãe de Clary foi morta na série, e Luke está secretamente com Maryse Lightwood, e sim o casal de mais destaque na série #Malec. Eles merecem serem felizes depois dessa 3B tão sofrida! Vale lembrar que no trailer de 3x21 e 3x22 ainda temos um fato suspeito, será que Luke voltará a ser um shadowhunter? Bom ele tem runas pelo corpo...

Esse foi um dos melhores episódios até aqui, e só de imaginar que este seria o final da terceira temporada, fico pensando como seria uma quarta, com certeza superaria novamente a expectativa de seus fãs! Bom, Shadowhunters foi uma série altamente criticada no começo, evoluindo consideravelmente ao longo dos episódios e com certeza vai fazer falta para todos aqueles que ama as histórias da nossa querida e amada autora Cassandra Clare.

O último episódio de Shadowhunters vai ao ar na Freeform dia 6 de Maio, segunda-feira e dia 7 na terça na Netflix.

Confira trailer final de 3x21 e 3x22 de Shadowhunters abaixo:  


quinta-feira, 2 de maio de 2019

Lançamento | Editora Intrínseca divulga nova versão de Bird Box


Olha só, essa novidade que a Editora Intrínseca divulgou hoje em seu instagram!

O livro Bird Box está ganhando uma nova versão lindíssima, baseada na adaptação que foi sucesso no inicio desse ano pela #Netflix.  Essa versão de luxo de capa dura, vêm com dez ilustrações e um conto original. Dá até vontade de ler Bird Box novamente só para ter essa beleza em mãos! Aqui no #paraisodoslivros você encontra a resenha de #BirdBox, para ler, Clique Aqui. Confira o recadinho da editora abaixo: 


 " A arrepiante história de um mãe que precisa sobreviver com seus dois filhos em um mundo onde abrir os olhos pode ser fatal, ganhou uma edição de luxo trilateral, 'Caixa de Pássaros ' possui conteúdos inéditos imperdíveis: dez ilustrações e um conto original. Quem vai correndo garantir o seu?"



segunda-feira, 29 de abril de 2019

Notícias | Cidade de Vidro é o episódio 3x20 de Shadowhunters


Está chegando a hora de dizer adeus...

Ao final da primeira parte da terceira temporada recebemos a triste notícia que Shadowhunters havia sido cancelada. Agora que finalmente chegamos ao episódio 3x20 que seria o último da terceira temporada, vemos o quanto a ela evoluiu e merecia uma quarta... É uma pena, é verdade. Mas ainda temos 2 episódios com 2h e meia de duração para seu fechamento, o que conforta nossos corações.

O episódio 3x19 foi emocionante de diversas formas. Magnus ganhou grande tempo de tela mostrando toda sua dor e o amor que sente por Alec. Muitos flaskblacks com cenas do casal foi exibido, e Amodeus (pai de Magnus) cumpriu sua promessa devolvendo seus poderes ao filho após Alec terminar com o relacionamento dos dois.  Magnus até pediu para o irmão do silêncio apagar suas memórias com Alec, mas ele não fez. Magnus até tentou ele mesmo por fim nelas com sua magia, porém Asmodeus salvou a noite, como um golpe certeiro para trazer seu filho para seu lado, nada inteligente né? Tudo indica que Asmodeus tentará controlar Magnus, porém o feiticeiro parece se revoltar contra o pai na promo de 3x20. Será que Magnus descobriu tudo que Asmodeus tramou? Espero que sim!

Mas o ponto alto desse episódio foi #Clace, sim muito Jace e Clary na telinha. A nossa jovem guerreira que agora possuí um interior negro fez o possível para manter Jace e Jonathan juntos, dizendo que não poderia viver sem os dois. Obviamente essa união não dá certo, afinal Jace tentar resgatar a antiga Clare. Sem sucesso, após surpreenderem a Rainha Seelie em uma balada das fadas, Clare jura a Jace que se ele ficar no caminho dela e do irmão outra vez, ela vai acabar com ele.  Esse batalha não será apenas uma promessa, já que o promo de 3x20 deixa claro que Jace não desistirá de Clare tão cedo!

E falando de casais, Maia e Jordan tiveram um momento bem fofo em 3x19, o clima ficou no ar. Porém Rafael Santiago aparece revelando que agora é humano, falando sobre como o soro da gloriosa o transformou. Intrigados, segue para o Instituto e descobrem que Izzy usou os fracos restantes como refazer a espada Gloriosa e salvar Clare, sobrando apenas um fraco, que é roubado por Jordan sem consentimento de Maia. O que será que o lobo ira fazer agora?

E leitores, sou só eu ou vocês também estão tentando entender porque #Sizzy ainda não aconteceu? Será que vão deixar para o último episódio? Izzy é simplesmente maravilhosa neste episódio, ela não só consegue reconstruir a espada com os instrumentos de Cleofas (Irmã de Luke), como nota todo seu sentimento por Simon com apenas algumas palavras dele, mágico, perfeito, só faltou um beijo, mas está difícil viu! Espero que aconteça em 3x20.

Shadowhunters está no ar na Freeform as segundas e as terças na Netflix.

Confira da próxima semana de 3x20 de Shadowhunters abaixo:



Curiosidades | Minhas leituras de Março




Voltando ao padrão de dois livros.

Março não foi um bom mês para as leituras para mim. Li poucos livros e com a falta de tempo acabei não lendo os livros grandes que tanto gosto. Espero que os próximos meses sejam melhores e assim possa trazer diversas indicações para vocês. Em Março li apenas dois livros: O poder de mudar de hábitos da escritora Caiene Cassoli e Maze Runner: Arquivos do escritor James Dashner. Confira abaixo:

1. O poder de mudar os hábitos - Caiene Cassoli



Este livro cutinho vai fazer você avaliar seus conhecimentos e hábitos, abrindo sua mente para uma nova perspectiva. Ele não funciona como um manual com regras a serem seguidas ou deseja ensinar algo, apenas explora uma situação, mostrando que a forma como reagimos a ela,e a atitude tomada será decisiva para os resultados finais. Um bom livros para rever conceitos e discutir opiniões. 

2. Maze Runner: Arquivos - James Dasher



Finalmente completei a leitura do meu box de Maze Runner com o último volume "Arquivos". Mesmo sendo o livro menor da série, o conteúdo de suas páginas me deixou muito satisfeita. sem segredos, enfim um livro de Maze Runner com uma conclusão completa sobre os fatos, sem lacunas abertas como os demais livros. Enquanto lia os livros da série uma das coisas que mais me incomodava era não ter informações sobre o passado de Thomas e "Arquivos" possui essa informações, além de revelar como foram o inicio de outros personagens importantes e as primeiras interações de Teresa e Thomas no CRUEL. Não poderia ser melhor. não é mesmo? Um belo presente aos fãs. #Recomendo

Espero que tenham gostado da minha leitura de Março. Até o próximo mês!




terça-feira, 16 de abril de 2019

Notícias | Magnus quer esquecer Alec em 3x19 de Shadowhunters



O que eu previa, aconteceu!

Ainda estou tentando superar o episódio dessa terça-feira de Shadowhunters. Não foi fácil! Para quem me acompanha aqui do blog sabe que sou apaixonada pelo casal #Malec desde os livros e depois que a série surgiu esse sentimento só aumentou. Meu personagem favorito é Magnus Bane e ver todo esse arco criado na série para ele nesses últimos episódios não tem sido fácil.  Harry Shum Jr (Magnus) está arrasando, doando-se ao personagem assim como Matthew Daddario (Alec) e por mais triste que seja a situação atual, não tem como não gostar das cenas. Mas vamos ao episódio, já consigo sentir as lágrimas...

O episódio 3x18 foi marcado por muitos sentimos envolvendo diversos personagens. Teve #Clace #Sizzy (Sim, Simon finalmente se deu conta dos seus sentimentos por Izzy , que correspondeu bem ao fato) #Malec , além de amor e conflitos entre irmãos. Falando nisso, esse foi literalmente o episódio para todos os irmãos se encontrarem e falarem seus conselhos. Também vemos o momento dramático quando Clary fracassa miseravelmente na tentativa de se livrar da runa demoníaca, que a uni ao seu irmão Jonathan e depois a escuridão tomando conta dela, pobre Clary! Estou realmente preocupada com ela, já que o fim da série se aproxima e não tenho ideia qual será o destino da personagem.

E como não falar do momento super fofo entre Magnus e Maryse gente! Sério, como foi bom ver a evolução desses dois, falando abertamente sobre seus sentimentos e fraquezas, Maryse complementando dizendo que todos estaram com o Magnus, pois ele já é da família. Sim, ele é! Ahh já quero mais desses dois! Porém enquanto tudo era flores com a  mãe de Alec, tudo estava indo de ladeira abaixo com o pai de Magnus, Asmodeus. Isso porque, Alec na sua tentativa de ajudar Magnus após seu colapso sentimental, procura uma feiticeira que canaliza Asmodeus. Ele pede ao pai de Magnus que devolva seus poderes e imortalidade do filho, mas em troca Asmodeus exigi que sacrifique seu relacionamento, ferindo Magnus, terminando com ele sem maiores explicações, fazendo este acordo um segredo que nunca poderá ser revelado.  Entretanto ao ser questionado por Isabelle, Alec conta tudo que aconteceu a irmã, se tornando assim a única pessoa que sabe os reais acontecimentos até agora. 

Enfim, chegamos ao momento dramático que só se agrava com a promo de 3x19!
Infelizmente, como eu temia Alec terminou com Magnus. Já sabia que isso iria acontecer (meu coração estava preparado, mesmo assim doeu...) por conta da clara referência aos livros, quando nomearam o episódio 3x19 de "Aku cinta kamu" que é um trecho onde Magnus descobre a traição de Alec e termina tudo com ele, porém antes ele diz essas palavras em tom de despedida que significam "Eu amo você" em indonésio, idioma natal de Magnus Bane. O que me preocupa é que sem Alec, Magnus está completamente instável, condição que nunca vimos antes no show (o que me deixa curiosa), agora ele não tem absolutamente nada ao que se agarrar. 
Nos livros ambos não lidam muito bem com a separação, e no show os produtores já mostraram que gostam se utilizar os atores para trazer toda carga emocional possível aos fãs. Então sim, é previsível que 3x19 será super emocional! Espero sinceramente que Magnus não consiga apagar suas memórias com Alec, ele já perdeu muito nessa 3B, isso seria algo desnecessário na minha opinião. A dor é um sentimento tão forte quando o amor,  acredito que os produtores podem explorar essa linha para juntar #Malec novamente em breve, afinal a história deles é única, seria um desperdício se Magnus esquece completamente o grande amor de sua vida, nesses episódios finais.

Shadowhunters está no ar na Freeform as segundas e as terças na Netflix.

Confira da próxima semana de 3x19 de Shadowhunters abaixo:


segunda-feira, 15 de abril de 2019

Notícias | Asmodeus faz proposta à Alec em promo 3x18


A dor está apenas começando...

  No episódio da semana passada finalmente descobrimos quem era o responsável por "torturar" os prisioneiros da Clave. Victor Aldertree estava utilizando um soro fragmentado da espada gloriosa contendo o fogo celestial,  para transformar os seres do submundo em humanos novamente contra vontade. Achei tal fato muito estranho já que a pouco tempo o personagem lutava para deter Valentim,  que queria exterminar a raça e agora Aldertree possui um desejo semelhante ao do vilão? Não curti, achei fora de contexto. Enfim, vamos seguir...
  Em 3x17 Simon teve grande destaque. Ele foi um excelente infiltrado, fez uma ótima parceira com Rafael e Helen conseguindo o soro para salvar Clary da ligação demoníaca e teve cenas significativas com Isabelle. Sim fãs, demorou mais #Sizzy está chegando! Além disso esse episódio marcou o primeiro encontro entre Aline Penhallow e Helen Blackthorn deixando o clima de romance no ar.

  Mas vamos ao ponto alto desse episódio: #Malec! Já faz três episódio que o casal é destaque na série, isso porque o drama de Magnus a cada episódio parece aumentar mais e mais. Mesmo que Alec lute de todas as formas contra a maré, tentando deixar Magnus feliz e protegê-lo do mal, Alec só compreendeu toda dor que Magnus está carregando dentro de si em 3x17. 
   Na postagem anterior questionei se seria um bom momento para Alec pedir Magnus em casamento e temia que os produtores do show, forçasse o feiticeiro a dizer "não" por conta da situação. Apesar de ter sido uma sequência muito triste ver Magnus bêbado, briguento,  estragando o jantar, chateando Alec e ainda desabando aos soluços dos braços do seu amado, acredito que foi o melhor para o casal, algo totalmente necessário para evolução de ambos. Magnus destruiu toda e qualquer barreira entre ele e Alec, mostrou toda dor de seu interior. Mesmo que tenha sido uma cena extremamente triste, ela conquistou ainda mais os fãs de #Malec, Harry Shum Jr e Matthew Daddario. 
  Como previa, parece que o fim de #Malec será inevitável e mesmo que não seja como nos livros, saber que Asmodeus (pai de Magnus) terá uma grande participação para tal feito estabelecendo que eles se separem para devolver a magia de Magnus, salvando-o, só machuca ainda mais. 

Shadowhunters está no ar na Freeform as segundas e as terças na Netflix.

Confira da próxima semana de 3x18 de Shadowhunters abaixo:


sexta-feira, 12 de abril de 2019

Notícias | 4ª temporada da série Lucifer ganha data de estreia na Netflix


Após ser cancelada pela Fox, mas resgatada pela Netflix, a série Lucifer finalmente teve sua data de estreia confirmada pela Netflix e seu primeiro teaser da 4° temporada divulgado. A nova temporada estreia dia 08 de maio e ganhando um ar mais sexy.

Anteriormente foi revelado que a nova temporada contará com duas adições ao seu elenco: Vinessa Vidotto, que viverá Remiel, a “irmãzinha clássica” que admira seu irmão mais velho Amenadiel (D.B. Woodside) e a atriz Inbar Lavi viverá a personagem Eva.

A 4° temporada terá foco na descoberta de Chloe (Lauren German) que finalmente acredita em Lucifer após os acontecimentos da 3x24.

Confira teaser abaixo:



quinta-feira, 11 de abril de 2019

Notícias | Equipes são formadas em novo teaser de Vingadores: Ultimato



E a ansiedade só aumenta!

Parece que a Disney quer manter os fãs Marvel ainda mais empolgados com a chegada de Vingadores: Ultimato, que tem estréia dia 25 de Abril. Isso porque, nessa semana foram divulgadas dois videos do filme, um contendo o plano inicial dos Vingadores e agora um teaser aonde vemos os mesmos se unindo já com os novos trajes. 

Confira cena inédita abaixo:


Aqui, podemos ver a equipe se reunindo, usando seus novos trajes:



Dirigido pelos Irmãos Russo (Capitão América: Guerra Civil e Vingadores: Guerra Infinita), o longa trará a batalha épica que encerrará a fase 3 da Marvel, também sendo último filme que terá a aparição de Stan Lee. 

Os ingressos de Vingadores: Ultimato já estão disponíveis para pré-venda. Eu já garanti o meu e você? Chega logo 25 de Abril!


Atividades do Blog