segunda-feira, 7 de março de 2016

Resenha | A Seleção - Kiera Cass - Livro 1



Autor: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Páginas: 368
Avaliação:
      


Será que existe amor a primeira página?


Simplesmente apaixonante! Sabe aquela velha expressão que diz para: nunca jugar um livro pela capa? Pois é, isso aconteceu comigo com "A Seleção". A principio acreditava que era mais uma história de conto de fadas, mas logo nas primeiras páginas me deparei com algo bem diferente. 

America é uma jovem, dentro de família de mais quatro irmãos, vivendo com os pais, vendo ao seu redor a pobreza se manifestar como se não houvesse solução para seus habitantes. Nesta sociedade injusta para alguns e muito favorável para outros, descobrimos um sistema de 8 castas, quanto maior a numeração, maior a pobreza. 

Neste conjunto de fatores surge "A Seleção", o que eu descreveria como o reality show da majestade real. Em outras palavras o príncipe Maxon, tem que escolher entre 35 garotas plebeias, aquela que será a sua princesa. Tudo parece lindo não é mesmo? O mais surpreendente neste livro além do temperamento e respostas afiadas da personagem principal America, é como a autora soube em sua narrativa leve trazer tantos conflitos sociais e ainda falar da busca pelo primeiro amor, ou para alguns que já levam, a luta pelo primeiro amor, não vamos esquecer de Aspen. 

A seleção não é um processo obrigatório, as jovens tem o direto do "não". (As jovens tem escolha, pelo menos até se escreverem). Quem quiser participar faz a sua inscrição e uma vez escolhida o príncipe irá decidir quando irá voltar. Além de também ter recompensas alimentícias e financeiras para as famílias das participantes. Isso faz America, alguém que foge das regras, nadar contra maré e acabar indo parar na Seleção. 

Falando de amor, você se pegará torcendo por America e Aspen, e também se pegará torcendo por America e Maxon, essa confusão de sentimentos se dá por conta dos momentos lindos, descritos com perfeição por Kiera Cass, que realmente te deixa indeciso, talvez seja proporcional...Espero ter decido meu casal favorito até o último livro da série (rs).

A União de romance e conflitos sociais políticos faz do livro "A Seleção" uma história reveladora, faz seus personagens se descobrirem, fugirem dos seus antigos conceitos, criando novos, se reinventando ao avançar das páginas. Já corri para ler a sequência. Muito bom! #Recomendo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atividades do Blog