quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Resenha | A Escolha - Kiera Cass - Livro 3




Autor: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Páginas: 352
Avaliação:
     


Agora são apenas quatro garotas e uma coroa. Chegou a hora tão aguardada para os fãs da série "A Seleção", finalmente neste volume descobrimos a escolha do príncipe Maxon entre as candidatas: Celeste, Elise, Kriss e America.


"Você talvez não queira lutar pelas mesmas coisas que a maioria deseja, como dinheiro e sucesso. Ainda assim, lute. Não importa o que deseja, America, vá atrás com todas as suas forças."


No final do livro "A Elite" nossa protagonista dá um direcionamento bem claro sobre qual o homem que realmente ama e que está determinada a conquistá-lo totalmente. Porém se tratando de America, as coisas não saem como planejado, e decorrente as diversas invasões dos rebeldes "A Escolha" é uma verdadeira avalanches de emoções. Em um momento está tudo bem e abruptamente tudo muda.

Um ponto interessante deste volume foi a amizade criada entre as candidatas a coroa. A aparente rivalidade dá espaço a amizade, mostrando os motivos e seus reais desejos para estarem no castelo. Saber como cada uma se sente foi esclarecedor e me fez até gostar de Celeste, sim, sim gente...Celeste com toda a sua arrogância e esperteza conquistou minha admiração.

Seguindo em frente...
Finalmente o fim dos segredos! Sempre me perguntava quando América finalmente revelaria toda a verdade sobre ela e Asper para Maxon , e se o príncipe realmente nunca desconfiou de nada sobre os dois. Como Maxon reagiria quando esse momento chegasse era a minha principal curiosidade, então Kiera Cass, obrigada por saciá-la de maneira perfeita com este livro. Simplesmente Maxon é apaixonante de qualquer forma e Asper não poderia ficar atrás agindo como um perfeito cavalheiro, com suas atitudes maduras, sendo coerente com a situação e mostrando-se leal aos seus princípios. Outro segredo que simplesmente não esperava, era sobre o pai de América, apesar de ser uma das partes mais tristes do livro foi surpreendente.

Muitas cartas de amor e um trio apaixonado...
Falando em momentos emocionantes, imagine America, Maxon e Asper confinados em um único local? Então pare de imaginar e leia logo "A Escolha"! Fiquei tipo: "Isso realmente está acontecendo? Isso não vai dá certo..."

Para finalizar, a autora conseguiu manter a escrita leve e dinâmica dos dois primeiros volumes me agradando bastante, mas algumas mortes no final do livro foram desnecessárias, por essa razão dei apenas quatro das cinco estrelas a este livro.

Obs: Minha única critica é um grande spoiler, então se não quiser lê-lo, ignore este próximo parágrafo.

As mortes que me refiro foram a de Celeste, do rei e rainha de illéa. A morte de Celeste foi tão de repente que nem deu tempo de sentir o impacto. Em contra partida Maxon tornado-se rei repentinamente com a morte dos seus pais, deixou a impressão que faltava algo na história, pareceu que essa seria uma forma "simples" para tirar o rei de cena sem conflitos posteriores. America e Maxon lutaram tanto pelo amor e quando finalmente poderiam exibir isso a todos, triunfando principalmente diante do rei, ele morre? Isso foi algo que não gostei. Todo o contexto do final foi grandioso, lindo e romântico, mas torcia para ver a mãe de Maxon acolher America como filha ao entregar a coroa princesa escolhida.

2 comentários:

  1. Oieee.... Olha quem tá por aqui, hahah...
    Dessa autora eu só li A Sereia no mês passado e gostei bastante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gosto bastante, só li essa serie mesmo dela até o momento e amei.

      Excluir

Atividades do Blog