segunda-feira, 5 de junho de 2017

Resenha | Êxtase – Lauren Kate – Livro 4






Autor: Lauren Kate
Editora: Record
Páginas: 350
Avaliação:
      


Enfim o fim do mistério! 

Quando a saga Fallen se iniciou tudo parecia confuso, apenas mais um clichê adolescente com um triângulo amoroso entre seres angelicais, porém “Êxtase” o livro que encerra essa série, enfim mostra que a verdade é totalmente oposta a isso. Realmente Lauren Kate surpreende o leitor com a revelação final deste livro.

Após as viagens de Luce pelos anunciadores, conhecendo suas vidas passadas e procurando alguma forma de quebrar a maldição no terceiro livro, em “Êxtase” ela e seus amigos anjos agora precisam correr contra o tempo para impedir que Lúcifer apague o passado dentro do período de nove dias correspondente “A Queda” (os dias que os anjos renegados caíram na Terra). Para impedi-lo eles precisão juntar as três relíquias que unidas revelará o lugar exato da queda, o que não é uma tarefa nada fácil. Porém assim que as reúnem depois de inúmeros obstáculos, finalmente Luce compreende quem realmente era e porque ela é o real motivo da maldição existir e não Daniel. 

Sempre digo às pessoas que perguntam sobre a série Fallen, que a primeira coisa que precisam ter para ler estes livros é paciência. Lauren Kate não tem o habito de jogar todas as cartas sobre a mesa, ela sempre deixa o melhor para o final em todos os livros. E admito que quase abandonei a leitura de Êxtase pelo fato de parecer que novamente o mistério sobre a maldição Luce não iria ser revelado. Mas este é o livro de fechamento, então paciente esperei pela grande revelação. 


“ – Às vezes a ordem das coisas se mistura na minha cabeça. Admito que não me lembro de longos períodos que passei sozinho, mas consigo me lembrar de cada imagem do seu rosto, de cada beijo dos seus lábios, de cada recordação dos momentos que passei com você.” – Pág. 101


Algo que se diferencia dos outros três livros é que Luce se recordar muito mais rapidamente do passado, acessando suas memórias quando deseja. Agora ela consegue vê-las claramente, sendo apenas uma questão de tempo descobrir a começo dos tempos. Então quando Luce se recorda sobre tudo, o leitor pensará : “Nunca imaginei que fosse isso...”


“ De todos os pares que o Trono apoiou
Nenhum brilhou com mais poder
Do que Lúcifer, a Estrela da Manhã
E Lucinda, sua Estrela do Anoitecer.” – Pág. 297


Mesmo que Daniel e Luce sejam almas gêmeas, a ligação que uni Lucinda a Lúcifer vai além do imaginável. E isso foi muio inteligente da parte de Lauren. Lúcifer quer destruir o amor de Luce e Daniel porque querendo ou não ele ensinou-a a amar. Ele ajudou que a maldição existisse para separá-los, mas acabou contribuindo para que o sentimento deles evoluísse e agora tudo quer é eliminá-lo de uma vez por todas, destruindo cada lembrança. E assim compreendemos como os anjos tiveram um papel importantíssimo desde a queda. Não era uma luta para proteger Luce e sim puramente pelo sentimento do amor. Lúcifer o inventou, mas foi Luce quem entendeu o significado e a importância dele, sabendo como utilizá-lo sabiamente e positivamente. 

Vale à pena a espera pelo final de Êxtase! A série Fallen fala sobre o mundo angelical, a queda, sacrifício, perdas, porém também mostra como sentimentos sempre possuem dois lados. A escolha que cada ser faz é o que diferencia os fatos. E para quem gosta de romance, acredite esse com certeza será inesquecível! #Recomendo

2 comentários:

Atividades do Blog