sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Resumo | The Flash #00 (Os Novos 52)



Editora: DC Comics
Páginas: 32
Avaliação:
     



Que a aventura comece!

No primeiro volume dos novos quadrinhos da série The Flash, Barry Allen encontra-se em seu laboratório em Central City. Enquanto suas lembranças vagam até a última visita que fez ao seu pai Henry na prisão, onde ele confessa ter matando sua esposa Nora Allen. Ainda relutante a acreditar nas palavras do pai, Barry é atingindo fortemente por um raio e no impacto acaba sendo banhado por produtos químicos. 
Após o episódio como o próprio personagem cita, sua vida inteira começa a ser recordada como um flash, o que o faz acreditar que estará com sua falecida mãe em breve. Então sua mente o leva a um momento íntimo de sua infância. Barry e sua mãe estão em casa falando de um concurso de soletração o qual o jovem participará, porém sua mãe não poderá ir e seu pai os interrompe abruptamente para levar Barry.
Por conta do acidente Barry fica em coma. Algumas cenas complementares nos apresenta aos personagens Forrest, que nos revela o envolvimento de Barry com o laboratório criminalismo e Darryl Frye, que está visualmente abalado por sua ausência, contando-lhe que se tornou capitão de Central City da jurisdição que o rapaz trabalha e gostaria que estivesse lá para vê-lo neste grande momento de sua vida.

Enquanto as memórias de Barry são apresentadas através de seus sonhos, ele volta ao momento exato do crime de sua mãe, como se pudesse reparar em cada detalhe com precisão, buscando por explicações. Nesta data o Barry criança saiu para ir a livraria, porém quando voltou seu pai estava sendo levado pela policia. Henry diz que não cometeu o assassinato e para sua surpresa sua mãe encontra-se morta por uma facada no peito. A faca ainda está na cena do crime e quem dá a triste notícia a Barry é o policial Darryl Frye que conhecia Nora e cuidará de Barry pelos próximos anos.

Ainda perturbado com as recordações Barry, finalmente acorda do coma a quilômetros de distância questionando sobre porque Henry e Darryl deixou que acreditasse que o assassino de sua mãe nunca foi seu pai, se agora o próprio contradiz os fatos. Três semanas após, Barry se encontra com Darryl revelando que ambos se veem como pai e filho, sendo o laço que os uni tão intenso quanto Barry tem com seu pai biológico. 

Agora que tem noção de seus poderes, Barry percebe que precisa de uma roupa e um nome que combinem com seu novo estilo de vida. Logo após resolver um crime já com seu disfarce, Barry novamente visita seu pai na prisão. No local ele presencia e ajuda a deter um criminoso e seu pai vê a oportunidade para sua fuga. Rapidamente Barry o impede e adverte, que se for para ele sair da prisão terá que sair como um homem livre e não dessa maneira.

"Sinto muita saudade de você, mãe" 

Barry diz visitando a lapide de Nora, no cemitério deixando-lhe flores. Para ele tudo que importa agora não é se o pai é culpado ou inocente, para ele, Henry é inocente e ponto. Tudo que aconteceu com Barry Allen, fez com que ele se tornasse um grande homem, o homem mais rápido do mundo, tudo que aconteceu fez ele se tornar The Flash.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atividades do Blog